Chips, implantes e outras tecnologias sutis

You are currently viewing Chips, implantes e outras tecnologias sutis

Por Fernando Vidya

Não é de hoje que médiuns, sensitivos e clarividentes trazem este assunto à tona para ser compreendido. Pretendo, porém, trazer uma abordagem bastante objetiva e também de alerta para que tomemos posse do nosso autopoder diante de situações como as chamadas obsessões complexas, que são processos de influência espiritual ocasionados por entidades mal-intencionadas, também chamadas obsessoras, que se utilizam de tecnologias sutis (imperceptíveis aos nossos 5 sentidos) para prejudicar diversas pessoas.

Sabemos que tudo possui dois lados. Do mesmo modo que a tecnologia nos possibilita avançar e progredir em vários sentidos, quando utilizada de maneira vil e egoísta, tende a atrasar a nossa evolução e progresso.

O que são as tecnologias sutis

Exemplo de tecnologia sutil para alteração das sinapses cerebrais, bem como para o embotamento dos chakras superiores e da intuição.

As tecnologias sutis são mecanismos de atuação presencial ou à distância para promover efeitos automáticos, sem a necessidade de estarmos presentes para que elas realizem as tarefas para as quais foram programadas.

São sutis, pois não são constituídas de matéria física, mas sim de substância astral ou outra que represente um meio pelo qual a tecnologia possa se propagar e executar sua rotina de programação. Algumas são mais mecânicas e outras mais automatizadas e programáveis.

Chips, implantes e aparelhos sutis diversos têm sido utilizados por entidades obsessoras e outras categorias de seres de forma a manipular energeticamente o ser humano encarnado, embora também possamos encontrar entidades astrais desencarnadas com tais aparelhos instalados/acoplados em si.

As motivações e os mecanismos para esse tipo de influência (que também pode ser chamada de obsessão complexa) são inúmeros e irei elencar alguns mais comuns em tópicos simples:

  • Seres de várias categorias, encarnados ou desencarnados, de forma sutil, implantam tais tecnologias com a finalidade de realizar experimentos diversos;
  • Obsessores ou seres que possuem algum tipo de rivalidade conosco, por vezes com origem em vidas passadas, desejam atuar por vingança e, assim, encontram um meio mais “fácil” de prejudicar a vítima;
  • Seres são “contratados” para fazer essa implantação, seja por motivos de vingança ou mesmo para impedir o progresso individual, ou ainda o progresso coletivo;
  • Boicotar ou atrapalhar o trabalho ou a vida de terapeutas holísticos, médiuns e sensitivos e outros trabalhadores da luz, com vistas a atrasar a cura interior e o aprimoramento pessoal e espiritual deles e de seus atendidos, ou desviar-lhes completamente do caminho espiritual;
  • Embotar a intuição e atrasar o despertar espiritual, como forma de atrasar a evolução geral das pessoas, ou mesmo de impedir que recebam orientações confiáveis de seus guias ou mestres espirituais;
  • Limitar o livre-arbítrio individual, através de processos de hipnose ou de infiltração de pensamentos diversos na mente e no inconsciente da vítima, turvando a clareza de pensamentos, o discernimento e a capacidade de escolha consciente;
  • Estimular, através de ondas vibracionais, pensamentos e sentimentos nocivos que visam manter pessoas em processos e vibrações densos de negatividade, depressão, desestímulo, desmotivação e outros mais, que por sua vez manterão as vítimas em vibração densa o suficiente para permanecerem compatíveis com a continuidade da influência dos obsessores.
  • Outros mais.

Sintomas

As ações ou efeitos de tais tecnologias podem ser os mais diversos. Alguns deles:

  • Promover dores físicas, por vezes agudas, em regiões do corpo distintas, em razão dos estímulos vibracionais que emitem (dores de cabeça, em regiões específicas do corpo, ou ainda pelo corpo todo);
  • Manipular o sistema nervoso central, que é a central de controle do nosso corpo, podendo atuar no sistema motor, límbico e outros, a fim de alterar estados mentais, emocionais e físicos;
  • Estimular pensamentos e sentimentos desagradáveis e incompatíveis com a verdade e com a luz divina;
  • Captar pensamentos e sentimentos da pessoa que estiver sendo monitorada, 24 horas por dia, e infiltrar ideias contrárias ou distorcidas a respeito do tema em reflexão, causando equívoco, confusão mental e insegurança;
  • Realizar o monitoramento / rastreamento de localidade da pessoa que está sendo vigiada, 24 horas por dia, para influenciá-la imediatamente quando oportuno;
  • Promover vigilância do lar – tecnologias instaladas em ambientes diversos, como câmeras, para monitorar o ambiente e as ações das pessoas no local, observando o que fazem, como e com quem, a fim de causarem discórdia no ambiente;
  • Promover danos e embotamento dos chakras;
  • Estimular o aflorar precoce de dons mediúnicos, causando transtornos ao ser humano despreparado;
  • Realizar a abertura de portais e conexões diversas entre a vítima e outros encarnados ou desencarnados, bem como promover a abertura de portais com regiões astrais diversas, ou ainda a abertura de portais de influência no inconsciente da vítima, a fim de acessarem o inconsciente e ali também realizarem acoplamentos de tecnologias;
  • Promover o aflorar de processos inconscientes desarmoniosos diversos como medos e traumas inconscientes adormecidos, sejam da vida atual como de vidas passadas;
  • Outros mais.

Independentemente do caso, cabe a nós resistirmos aos impulsos desagradáveis desses aparelhos e procurarmos auxílio para a sua retirada, na medida da nossa compreensão e esclarecimento.

Exemplo de tecnologia sutil de manipulação do sistema nervoso central, com foco no sistema motor e medula espinhal.

Métodos de remoção

Citarei a seguir alguns dos métodos de retirada mais comuns. O primeiro deles qualquer pessoa poderá fazer no próprio lar. Em outros casos, mais complexos, precisará buscar auxílio de alguém com experiência no tema e que possa identificar e atuar na remoção com segurança, sem causar mais danos do que os já causados pelas tecnologias acopladas.

Rogar por Auxílio Espiritual

Este é o mais simples e pode ser realizado em nosso lar, em nossas orações. Existem equipes espirituais a postos e sempre prontas a auxiliar. Porém, por respeitarem nosso livre-arbítrio, não podem intervir em processos particulares sem que tenhamos solicitado ou autorizado.

Em geral, equipes espirituais aguardam o momento em que pedimos intervenção divina para que essas remoções aconteçam. Basta orar de coração aberto a receber auxílio e ele virá. A melhor oração é a oração espontânea, que mostra o quão dispostos realmente estamos em sermos auxiliados.

Algumas pessoas podem considerar este método ineficiente, ou ineficaz, mas basicamente ele se alicerça na fé. Uma fé inabalável é capaz de mover montanhas. Há aquele que crê, e há o cético, ou ainda aquele cuja fé está abalada, por vezes em razão do próprio processo de obsessão complexa a que está submetido. Assim, sigamos aos próximos métodos que eu, Fernando Vidya, oriento.

Métodos de remoção terapêuticos

Tecnologia sutil de alteração sináptica e de inversão de polaridades sinápticas.

Extremamente eficazes, técnicas como Apometria e outras técnicas holísticas e espirituais possibilitam ao ser humano encarnado ser auxiliado na remoção de tecnologias diversas.

Em geral, um apômetra, um médium-sensitivo capacitado, ou um terapeuta holístico clarividente, contará com uma equipe espiritual que irá auxiliar no processo, a fim de contribuir intuitivamente e mostrar onde se encontram alguns dos aparelhos acoplados.

Por vezes, parte das tecnologias não se encontram no corpo astral da vítima, como muitos podem pensar, mas sim em corpos espirituais superiores, como corpo mental abstrato, que corresponde ao mental superior, que por sua vez faz parte do inconsciente. Torna-se, portanto, oculto à visão do clarividente que não tem essa informação ou conhecimento e, consequentemente, passa despercebido e deixa de ser removido.

A manipulação do inconsciente por parte de tecnologias sutis é uma das mais perigosas, complexas e delicadas de lidar, pois muitas delas abrem brechas no inconsciente da vítima de modo a mantê-la constantemente sob influência espiritual.

Não basta remover os aparelhos, portanto. Deve haver a reparação e cura do inconsciente, com o devido fechamento de portais astrais e portais abertos no inconsciente, bem como o encerramento de conexões diversas, além do encaminhamento dos obsessores responsáveis. Do contrário, o processo de obsessão complexa poderá voltar a ocorrer com grande facilidade.

Proteger o inconsciente dos envolvidos e blindá-los dos ataques espirituais não é uma tarefa fácil. Justamente por isso, obter ajuda especializada é fundamental.

Exemplo de portal astral aberto por entidade obsessora para instalação de tecnologia sutil.

Outros aparelhos se encontram ocultos no próprio astral, camuflados por força de magia e intenção específica de entidades ardilosas, a fim de que não sejam encontrados nem mesmo por clarividentes experientes.

O auxílio de uma equipe espiritual que ofereça suporte é sempre importante no processo de remoção de tecnologias, a fim de trazer orientação e segurança ao processo. Isso porque, não raro, médiuns e terapeutas holísticos que removem determinados objetos implantados por obsessores tornam-se o novo alvo de tais entidades ou do grupo ao qual elas pertencem.

Se não houver conhecimento e precaução adequados, não demora, e o próprio médium ou terapeuta holístico precisará de auxílio externo para remover de si objetos que sequer imaginava terem sido nele implantados, além de precisar se libertar da influência das entidades obsessoras com as quais se entrelaçou.

Há muitos profissionais da área holística que realizam com primor este trabalho de remoção de tecnologias com segurança aos seus consulentes e para si próprios. Há outros, porém, que desconhecem a profundidade e complexidade do tema e tornam-se vítimas de sua negligência ou desconhecimento.

O Sistema MRA de tratamento Apométrico

Através de um Método Radiônico que se utiliza de técnicas de Apometria (Método MRA de Apometria), é possível identificar a presença de tais tecnologias e atuar em sua remoção total, bem como no tratamento e encaminhamento dos obsessores envolvidos no processo.

A identificação e remoção dos aparelhos é automática, e o processo de encaminhamento dos obsessores responsáveis pela influência espiritual pode levar mais ou menos tempo, conforme a estrutura da organização responsável pelo processo obsessivo.

O Método MRA de Apometria foi canalizado por mim, Fernando Vidya, a partir da orientação espiritual da Grande Fraternidade Branca, com a supervisão constante do mestre El Morya, que me outorgou essa tarefa – deveras complexa e demorada, diga-se de passagem –. Trata-se de um sistema estruturado para ancorar proteção energética e espiritual, além de realizar uma gama de tratamentos energéticos e espirituais a fim de restaurar a ordem e a harmonia divina na vida e no condomínio energético e espiritual das pessoas.

Trata-se de um novo sistema de tratamento holístico que gradualmente será liberado para utilização por parte das pessoas. O Sistema MRA está aberto a crescer e se aprimorar continuamente.

Hoje, há Operadores de MRA treinados e aptos a realizar atendimentos à distância através deste método, que oferece condições mais seguras de trabalhar energeticamente e espiritualmente, em razão de oferecer também aos Operadores ferramentas importantes de autotratamento para conseguirem eles mesmos se protegerem e realizar atendimentos espirituais muito profundos para si e para outras pessoas.

Através de um simples comando, o Operador em MRA é capaz de ativar um tratamento espiritual inteiro que, de forma automática, inicia o processo de identificação e remoção de tecnologias sutis nocivas, e também:

  • Promove encaminhamentos de grupos inteiros de entidades de obsessoras;
  • Atua na transmutação de energias desqualificadas, bem como no desfazimento energias astrais e de magia negra das mais baixas categorias;
  • Atua no tratamento de personalidades de vidas passadas e níveis e subníveis de personalidade alheios com os quais o atendido possa ter se conectado;
  • Realiza o tratamento e ressignificação de memórias e registros inconscientes traumáticos diversos;
  • Realiza tratamentos energéticos e espirituais de ambientes e imóveis de todos os tipos;
  • Atua na harmonização energética e espiritual do núcleo familiar e em vínculos de relacionamento entre o atendido e pessoas, lugares e seres;
  • Promove o ancoramento de luz divina para alterar padrões nocivos de pensamento e de sentimento, bem como atua a nível molecular e celular, a fim de promover o ancoramento de novos e melhores padrões vibracionais que contribuirão para a boa saúde;
  • Atua em harmonia e parceria com os Devas, elementais e outros seres e consciências cósmicas que aceitaram fazer parte da egrégora da MRA;
  • E mais.

Este sistema, além de facilitar e agilizar o trabalho radiônico e Apométrico, preserva a segurança dos Operadores, que muitas das vezes necessitam adentrar em universos energéticos e espirituais bastante hostis para auxiliar seus consulentes.

Além dos casos citados, há ainda situações particulares que envolvem conexões cármicas entre indivíduos e grupos inteiros de obsessores. Mas, sobre esse tema discorrerei em um próximo artigo.

Independentemente do caso que se apresente, a orientação fundamental que precisamos destacar é: quanto mais estivermos engajados em nosso processo de autoconhecimento e evolução pessoal, procurando cultivar melhores padrões de pensamento e de sentimento, bem como nos elevar energeticamente através de práticas de meditação e rituais particulares de comunhão com o Divino, mais vibraremos níveis energéticos sutis de incompatibilidade com influências espirituais nocivas.

Importante, portanto, a cada um de nós realizarmos a nossa parte.

Solicite atendimento

Operadores de MRA habilitados e que realizam Atendimentos através do Método MRA de Apometria.

Adriana Ruis
Cel/WhatsApp: (11) 9 3949-8208

Annemarie Flaiban
Cel/WhatsApp: (11) 97336-1577

Fernanda Polifemi – Politerapias
Cel/WhatsApp: (11) 9 8930-7622
Instagram: @politerapias ; @ferpolifemi

Giani Rodrigues
Cel/WhatsApp (12) 9 9199.4302
Instagram: @gianirtmagias

Juliana Christine Pires
Cel/WhatsApp: (11) 99390-6391

Giani Rodrigues
Cel/WhatsApp (12) 9 9199.4302
Instagram: @gianirtmagias

Marilena Rivello Alves
Transformar Núcleo Terapêutico Holístico
Cel/WhatsApp (11) 9 8799-7444

Michele Galdino
Cel/WhatsApp: (11) 9 6128-6530

Mirna Fernandes Ferreira
Cel/WhatsApp: (11) 9 9400-7224

Patrícia / Terapias
Cel/WhatsApp (11) 9 9848–5596

Patrícia Teratai
Cel/WhatsApp: (11) 9 7638-2280

Rita Coronel
Cel/WhatsApp: (11) 9 8242-7147
Rita.coronel@icloud.com

Tiara Riato
Cel/WhatsApp: (14) 9 9895-9258

Vanda Pinheiro Correia
Cel/WhatsApp: (27) 9 9897-6084
Instagram: Vanda.Pinheiro1

Saiba mais sobre o meu Atendimento à Distância clicando aqui.

Ou, se já deseja agendar o seu tratamento pessoal, clique no botão abaixo e inicie uma conversa pelo WhatsApp para realizar o agendamento.

Namastê!
Fernando Vidya

Comentários

comentários

Deixe um comentário